Terminal Intermodal de Campanhã

A infraestrutura completará a intermodalidade da Estação de Campanhã, que já possui a vertente ferroviária e de Metro, ficando completa com o terminal destinado a autocarros.


O objetivo passa por dotar a zona de Campanhã de uma plataforma que abranja os autocarros da STCP e dos operadores privados, comboios urbanos e de longo curso, metro e táxis, aproveitando a localização que possui através das acessibilidades rodoviárias como a Via de Cintura Interna (VCI) e das autoestradas circundantes (A1, A3 e A4).


O projeto inclui a construção de novas vias de acesso e lugares para estacionamento e ajudará a retirar tráfego da Rua do Freixo. O Interface irá constituir um dos principais nós da rede de transporte público, enquanto interface estratégico de um anel de contorno da cidade do Porto, funcionando em articulação com o interface da Casa da Música e o futuro interface do Hospital de S. João.


A obra, considerada fundamental para o desenvolvimento da zona oriental do Porto e para a mobilidade de toda a cidade, tinha sido decidida pelo Governo há 14 anos, mas nunca tinha, realmente, avançado.

2018
28-09-2018
Lançado o concurso para a construção do TIC
A Câmara do Porto lançou o concurso público internacional para a "Empreitada do Terminal Intermodal de Campanhã", com publicação do anúncio no Diário da República (DR) e no Jornal Oficial da União Europeia (JOUE). A fase de obra terá uma duração de 635 dias, ou seja, 21 meses. O equipamento a construir perfaz uma área bruta total de construção de cerca de 24 mil metros quadrados e irá integrar áreas utilitárias - parque de estacionamento, terminal de autocarros, estação de serviço, paragens kiss & ride, parque de bicicletas e parque de táxis - áreas complementares de apoio ao público, áreas administrativas e áreas técnicas essenciais bem como um parque natural. O preço-base para a realização da empreitada é de cerca de 12,7 milhões de euros, sendo que projeto tem candidatura aprovada para fundos comunitários do programa Norte 2020.
2017
21-12-2017
Campanhã: Intermodal avança com expropriações
A Câmara do Porto já pode avançar com a expropriação dos terrenos que vão possibilitar a construção do Terminal Intermodal de Campanhã, uma das mais importantes e decisivas obras para o desenvolvimento da zona oriental e para a mobilidade de toda a cidade. A decisão, tomada por unanimidade em reunião de Executivo, tem também prevista uma solução alternativa para a expropriação do campo de futebol Ruy Navega.
20-02-2017
Propostas para Terminal de Campanhã em exposição
A exposição que reúne os 22 projetos concorrentes ao futuro Terminal Intermodal de Campanhã, incluindo a proposta vencedora, da autoria do arquiteto Nuno Brandão Costa, foi ontem inaugurada nos Paços do Concelho, onde vai estar patente ao público até ao dia 6 de março. Como resumiu Rui Moreira, no final da cerimónia, "está feito o mais difícil. Agora, construa-se".
10-02-2017
Projeto para o Terminal de Campanhã já tem vencedor
Está dado mais um passo para o lançamento de uma das mais importantes e decisivas obras para o desenvolvimento da zona oriental da cidade e para a mobilidade de toda a cidade. A proposta apresentada pelo arquiteto portuense Nuno Brandão Costa foi a vencedora do concurso, entre outros motivos, pela forma como valoriza o espaço dos utentes na futura gare. As propostas apresentadas pelo coletivo Pablo Pita Arquitetos, do Porto, e do Gabinete MVCC - Mercês Vieira e Camilo Cortesão Arquitetos, também do Porto, ficaram, respetivamente, em segundo e terceiro lugares no concurso. Tal como definia regulamento do concurso, as três primeiras propostas terão direito a um prémio de 12,5 mil, dez mil e 7,5 mil euros, respetivamente. O próximo passo é lançar o concurso público para a execução da obra que o presidente da CMP, Rui Moreira, considerou "decisiva e fundamental para a transformação de uma área da cidade esquecida durante décadas".
2016
02-08-2016
Lançado concurso de conceção para Terminal de Campanhã
A Câmara do Porto, através da GO Porto - Gestão e Obras do Porto, lançou hoje o concurso de conceção para a elaboração do projeto do Terminal Intermodal de Campanhã. O objetivo é dotar a zona de Campanhã de uma plataforma que abranja os autocarros da STCP e dos operadores privados, comboios urbanos e de longo curso, metro e táxis.
2015
15-07-2015
Terminal rodoviário de Campanhã será realidade
A plataforma de transportes de Campanhã, que contava já com metropolitano e comboio, vai ter um terminal rodoviário para autocarros de passageiros, que assim completará o equipamento. A obra, esperada há mais de 12 anos e que chegou a estar projetada mas nunca executada, vai finalmente avançar, segundo anunciou Rui Moreira, presidente da Câmara Municipal do Porto.