Brigadas da Câmara estão a reformular passadeiras por uma cidade mais inclusiva
21-12-2017

Durante este ano, a Câmara do Porto reformulou 210 passadeiras por toda a cidade. Existem brigadas adstritas a este tipo de intervenções, que transformam uma média de 6 passadeiras por mês. Estas intervenções vão ao encontro da visão municipal de um Porto para todos.


A próxima empreitada deste tipo será ainda este ano na Rua Padre Diamantino Gomes, em Ramalde, e visa o rebaixamento e beneficiação das passadeiras, uma obra inserida no Plano de Promoção de Acessibilidade para Todos (PPAT) da cidade do Porto - Sistema de Itinerários Acessíveis.

Os trabalhos, da responsabilidade da empresa municipal de Gestão e Obras do Porto (GO Porto), arrancam dia 26 e têm um prazo de execução previsto de 45 dias, de forma faseada, implicando alguns constrangimentos de estacionamento e de estreitamento de via.

Este género de intervenções integra mais do que a colocação de pisos tácteis, sendo efetuadas operações de alargamento e rebaixamento de passeios, aproximando as "margens" do atravessamento.

Em cada um destes atravessamentos, e sempre que existam semáforos, são criados tempos dedicados aos peões, de modo a evitar situações de conflito.

Mobilidade cada vez mais inclusiva

A acessibilidade para todos os cidadãos independentemente das suas capacidades físicas e psíquicas é, no entender da Câmara do Porto, um padrão de qualidade das cidades modernas, mais do que uma preocupação com um grupo específico de cidadãos. A acessibilidade deve servir todos, nomeadamente os cidadãos com deficiência, os idosos, as crianças, grupos para os quais as cidades não estão preparadas.

De referir, também, que na cidade existem atualmente perto de 500 lugares de estacionamento dedicados a pessoas com mobilidade reduzida. Destes, cerca de 200 resultam do direito previsto no Código Regulamentar do Município do Porto para atribuição isenta de 1 lugar de estacionamento a cada munícipe portador de dístico PMR (Pessoa com Mobilidade Reduzida), podendo este lugar ser criado junto à sua residência ou local de trabalho.

Os restantes lugares novos ou já existentes têm também vindo a ser melhorados quanto à sua dimensão, identificação e condições de acesso.