Lançado o concurso para a construção do Terminal Intermodal de Campanhã
28-09-2018

A Câmara do Porto lançou nesta sexta-feira o concurso público internacional para a "Empreitada do Terminal Intermodal de Campanhã", com publicação do anúncio no Diário da República (DR) e no Jornal Oficial da União Europeia (JOUE). A fase de obra terá uma duração de 635 dias, ou seja, 21 meses.


O objetivo desta empreitada é dotar a zona de Campanhã de uma plataforma intermodal que abranja não só os comboios suburbanos, de longo curso, Metro e a rede urbana da STCP, como também os autocarros de serviço intermunicipal e regional que passam a dispor de um terminal de primeiro nível numa zona da cidade de fácil acessibilidade rodoviária.


Prometido desde 2003 e nunca construído, o Terminal foi viabilizado pelo presidente da Câmara, Rui Moreira, através de um acordo global com o Governo, chamado Acordo do Porto e que incluiu outros processos, como as indemnizações respeitantes aos terrenos do Aeroporto, que a Câmara Municipal já recebeu.


O equipamento a construir perfaz uma área bruta total de construção de cerca de 24 mil metros quadrados e irá integrar áreas utilitárias - parque de estacionamento, terminal de autocarros, estação de serviço, paragens kiss & ride, parque de bicicletas e parque de táxis - áreas complementares de apoio ao público, áreas administrativas e áreas técnicas essenciais.


O projeto vencedor, da autoria do arquiteto Nuno Brandão Costa, anunciado a 10 de fevereiro de 2017, inclui também a construção de um parque natural que será um "elemento agregador de toda a envolvente urbana".


O Terminal irá constituir um dos principais nós da rede de transporte público, enquanto interface estratégico de um anel de contorno da cidade do Porto, funcionando em articulação com o interface da Casa da Música e o futuro interface do Hospital de S. João.


O preço-base para a realização da empreitada é de cerca de 12,7 milhões de euros e o seu prazo de execução de 635 dias. O projeto tem candidatura aprovada para fundos comunitários do programa Norte 2020.


As candidaturas deverão ser entregues até ao dia 27 de novembro de 2018, em formato eletrónico, na plataforma www.acingov.pt, onde poderão ser também consultadas as peças do concurso.